Viciados em Resultados

AltGrupo
AltGrupo

Como está o seu site?

10/07/2014 Por: Alexandre Fattori

O site é o ponto de partida de qualquer estratégia digital. É o local de confluência dos visitantes onde eles podem encontrar todas as informações sobre a sua empresa, produtos e serviços, e, potencialmente, sobre o mercado.

Você pode existir sem um site, substituindo-o por uma página no Facebook, um perfil no Google+, um canal no Youtube, uma conta no Twitter (…), mas todo trabalho e estratégia digital fica mais difícil se não contar com esse ponto de encontro virtual (site) da sua empresa com seus clientes, pois apesar de simplesmente essenciais, essas plataformas (Facebook, Twitter…) não vão se moldar às necessidades da sua empresa, aos seus objetivos e necessidades de personalização. Não, você se molda à plataforma.

Sublinhada a importância do site para as estratégias digitais, vamos a um dado importante. Cerca de 50% dos sites foram classificados como ruins, com problemas sérios de navegação, erros grosseiros, textos ilegíveis e outros problemas. Dessa forma, constatamos os graves problemas da internet.

Calculando o ROI

Calculando o ROI

Ainda reina no mercado das PME’s (pequenas e médias empresas) a ideia de que qualquer pessoa é capaz de desenvolver um sitem (quem nunca ouviu a famosa frase “o meu sobrinho fez”?).

Sim, com todos os recursos e plataformas existentes, criar um site é algo muito simples. Mas é preciso pensar adiante, refletir sobre o papel do site para o seu negócio. Será que adianta ter apenas um telefone disponível em uma página feia, estática e sem links? Isso realmente  traz benefícios?

Hoje, as pesquisas nos mostram que não basta ter um site com bom design, conteúdo e investimento na sua divulgação. Cada segundo conta. Na verdade, 74% dos visitantes vão esperar até 5 segundos para o seu site carregar antes desistir e sair. Mas calma, pode ser muito pior: cerca de 46% dos usuários móveis dizem ser improvável voltar a acessar os sites que eles tiveram problemas quando visitaram dos seus telefones e tablets. Ou seja, não basta ter um site bom, competente e otimizado.

Ele tem que ser responsivo, se adaptar às diferentes plataformas e formas de acesso. Mas se você ainda acha que não precisa de uma versão mobile para o seu site, um outro dado: 73% dos dispositivos de busca móveis desencadeiam ação e conversão adicional (conversão é qualquer ação valiosa que um usuário possa fazer no seu site, como uma compra).

Com esse dado em mãos, eu lhe pergunto: aquela sua campanha de anúncios em adwords que não gerou muitos resultados é culpa do Google? Claro que não. Pois 61% das pessoas deixará um site que não está otimizado para dispositivos móveis. E enquanto você se preocupa, o seu concorrente lucra, pois empresas com sites otimizados para dispositivos móveis triplicam suas chances de aumentar as taxas de conversão mobile para 5% ou mais. E agora as informações finais sobre a plataforma mobile;

  • 15% das vendas do varejo online em 2013 foram feitas através de dispositivos móveis.
  • 4 de 5 consumidores utilizam seu smartphone para compras. Seja pesquisando, avaliando, acessando aplicativos ou efetivando uma compra.
  • Em 2016, estima-se que 50% da população utilize tablets

Depois dessa aula de estatística sobre a internet, vamos a mais dados interessantes. Cerca de 70% das lojas virtuais brasileiras não fazem 10 vendas por mês. Sim, por mês. O e-commerce brasileiro terminou 2013 com 37 mil lojas virtuais e a expectativa é alcançar 45mil até o fim de 2014. Apesar disso, 70% delas não fazem nem 10 vendas por mês e são classificadas como inoperantes.

ropo

Um dos motivos é as pessoas não entenderem que colocar uma loja virtual e os produtos no ar é muito diferente de gerir um e-commerce, com infraestrutura de operações, entregas, resposições e etc.  Para ter resultados é necessário uma operação azeitada e um eficiente investimento em marketing para construir credibilidade e uma marca conhecida.

Portanto, quando for pensar na sua estratégia digital, lembre-se que é preciso contar com muito mais do que uma simples página. Se existe uma fórmula perfeita, ela seria: site responsivo x usabilidade e acessibilidade x landing pages x testes A/B X investimento em anúncios x redes sociais x pesquisas x Email marketing x mensuração = Resultados. Complicado? A boa notícia é que você pode fazer no seu ritmo (que não precisa ser de tartaruga), desde que conte com as ferramentas e fornecedores corretos e inseridos dentro de um planejamento com metas e objetivos claros.

Vamos tentar?

Alexandre Fattori
Sobre o Autor

Alexandre Fattori

Google Plus
Publicitário formado pela ESPM, pós-graduado em marketing pela FGV, especialização em marketing pela Irvine University of California. Sócio da Alt e consultor de marketing do SEBRAE e, acima de tudo, apaixonado por Marketing digital.

Comentários

comments powered by Disqus

Mais Posts

ALT Grupo

Av. Cristovão Colombo, 2156/303
Bairro Floresta - Porto Alegre/RS

ALT Blog