Como funciona uma loja virtual?

A gente sabe que poder fazer compras por meio da internet não é nenhuma novidade.

Só para se ter uma ideia, lá no final dos anos 70, bem antes da web ter a cara que tem hoje, já existiam sistemas de compra e de venda através da rede. No entanto, mesmo depois de 4 décadas, o que não falta no mundo digital é espaço para novos e-commerces. E aí, para quem ainda não colocou os pés dentro desse comércio online, sempre tem a pergunta: como funciona uma loja virtual?

Pois foi em busca de resolver essa questão que resolvemos fazer esse post desvendando para você o que acontece por detrás das cortinas do e-commerce, além de como calcular o seu frete e como lidar com a segurança das transações dos seus clientes.

Como é a anatomia do e-commerce?

Quando fazemos um raio-X de qualquer loja virtual, o que encontramos pode ser resumido em 3 partes: o site, o sistema de vendas e o sistema de estoque.

O site é a parte mais básica: é aquela na qual você coloca seus produtos e serviços e os usuários dão uma olhada nas informações, no preço e até no valor do frete antes de resolver se vão comprar de você ou não.

Mas é claro que existem sites e sites, e por isso mesmo, fizemos um post explicando quais são os 6 requisitos de um bom site de vendas online.

A outra parte é a do sistema de vendas — aquela etapa em que o usuário informa seus dados de entrega e, claro, de pagamento.

E aí, por lidar com dinheiro, essa etapa costuma ter uma atenção especial, pois precisa passar uma sensação de segurança para quem está comprando.

Já o sistema de estoque é aquele que tira (em tempo real) algum produto do site quando ele está faltando no estoque e também avisa para o dono do e-commerce quando alguma compra foi efetivada.

Ou seja: ele precisa ser atualizado o tempo todo! Em paralelo a tudo isso, ainda existe um outro sisteminha responsável por fazer o cálculo do frete para o seu possível cliente. 

valor frete

Como calcular o valor do frete?

Como você sabe, não existe alguém por trás do sistema da Amazon ou do Submarino fazendo o cálculo de cada compra que é feita por lá.

Em todo bom e-commerce, o que existe hoje é um sistema que calcula o frete automaticamente toda vez que alguém se interessa em fazer uma compra.

Esse frete pode depender de algumas variáveis:

  • Se o envio será feito pelos Correios;
  • Se o envio será feito por uma transportadora terceirizada;
  • Se o cliente retirará o produto na loja;
  • Se o cliente optou por um tipo de entrega com urgência.

E é bom lembrar que essas são apenas algumas das variáveis! No entanto, para o primeiro caso, existe um aplicativo dos próprios Correios que te ajuda a fazer os cálculos de frete.

Já no segundo, no caso das transportadoras, em muitos casos as empresas também contam com seus programas — gratuitos na maioria dos casos, diga-se de passagem — para encontrar o valor do frete.

Resumindo: mesmo as pequenas e micro-empresas não precisam ficar calculando de cabeça o valor de entrega de cada compra. 

Compra segura

Como funciona o sistema de segurança contra fraude?

Segundo alguns dados do E-Commerce Brasil, cerca de 3% a 5% das compras realizadas nos e-commerces nacionais têm origem fraudulenta.

E eu sei que esses números não alegram ninguém. Porém, é sempre bom lembrar que, justamente por causa disso, os nossos sistemas de pagamento são alguns dos mais avançados do mundo — inclusive os de intermediadores de pagamento, como PagSeguro, PayPal, Moip e o Pagamento Digital.

Esses sistemas são excelentes opções para quem está começando a entrar no mundo dos e-commerces e não quer desembolsar um bom dinheiro para montar um sistema próprio.

Fica a dica! Não perca mais tempo: procure a maneira que for mais viável para você entrar nesse mundo e comece a lucrar de vez com ajuda da internet.

Se precisar, podemos te ajudar a desenvolver a sua loja online. Ah, e não se esqueça de curtir a nossa página no Facebook para saber de muitas outras novidades!

 


Análise gratuita da sua
performance digital

Receba uma análise sem custo da performance da suas campanhas
de Google Ads, Facebook Ads, Redes Sociais ou Website.

Recomendaremos ações e sugestões de melhoria.